Veja Também

 

 
 
 
 
Notícias - Geral
 
Indústria: Mais um frigorífico fecha as portas em Mato Grosso e demite 300 funcionários

Postado em: 14/07/2015 09:48:00
Divulgação

 A planta de abate do Grupo JBS, em Matupá (700 km ao Norte de Cuiabá), paralisa suas atividades nesta terça-feira (14), e vai demitir os cerca de 300 funcionários que trabalham no frigorífico. A informação foi confirmada pela diretoria da empresa ao presidente do Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias de Carnes e Laticínios do Portal da Amazônia (Sintracal), José Evandro Navarro. Com esse fechamento sobe para 20 o número de plantas frigoríficas fechadas nos últimos dois anos em Mato Grosso e para sete somente em 2015.

“É com tristeza que informo que a JBS, unidade de Matupá, vai vir a fechar as portas. A diretoria me comunicou há pouco por telefone da decisão. São mais 300 trabalhadores desempregados em nossa região”, comentou Navarro, nesta segunda-feira (13) à tarde.

O sindicalista informou que o Sintracal vai atuar junto aos trabalhadores que serão demitidos, visando definir algumas medidas compensatórias. Os trabalhadores de Matupá serão convocados para uma assembleia geral durante a semana para esclarecimentos e outras informações.

“Estivemos em conversação com a empresa desde março, e nos colocamos a disposição de negociar para evitar o fechamento da planta, mas nunca houve sequer uma proposta por parte da JBS neste sentido”, lamentou o presidente do Sintracal.

Agora, com o fechamento desta planta, já são sete os frigoríficos que encerraram as atividades em Mato Grosso, no decorrer de 2015, levando em torno de quatro mil pessoas ao desemprego. Somente entre meados de junho e o dia seis de julho, três plantas de diferentes empresas encerraram as atividades – uma em Sinop, outra em Várzea Grande e uma em Mirassol do Oeste.

Fonte: Olhar Direto